Bem vindo a Tucuruí

A vista grandiosa de uma das maiores usinas hidrelétricas do mundo e as paisagens em diversas ilhas de água doce artificiais transformam o município de Tucuruí, sudeste do Pará, em um convite interessante para aqueles que desejam conhecer um dos principais destinos do Pará. Com uma culinária regional saborosa, praias, passeio pelo lago, carnaval fora de época que leva cerca de 20 mil brincantes atrás dos trios elétricos, dentre dezenas de lugares atrativos, Tucuruí tem mais de 2.000 quilômetros quadrados de área, e está localizado na mesorregião do sudeste paraense, às margens do rio Tocantins. O clima é considerado tropical úmido, com temperaturas que variam entre 22 e 36 graus. O período mais chuvoso é entre os meses de dezembro a abril, e o mais seco vai de julho a setembro. Ou seja, o veraneio se torna um dos momentos mais convidativos para visitar a cidade.

Tucuruí abriga em seu território parte da Área Indígena Assuriní, a Reserva Trocará, com mais de 200 km². Para quem gosta de história, a visita a esta aldeia é uma incrível opção para quem quer conhecer um pouco sobre os povos indígenas.

Povo tucuruiense
A origem da população tucuruiense está enraizada na cultura dos povos indígenas das tribos dos Assurinís, Parakañas e Gaviões, primeiros habitantes da região. Os primeiros fatos históricos da cidade têm registro em 1781, mas é a partir do final do século seguinte que a pequena cidade começa a crescer gradativamente. Várias vilas foram construídas para abrigar os operários responsáveis pela estrada Ferro Tocantins, ligando Alcobaça, como era conhecido Tucuruí, até o município de Itupiranga.

Em 1943, a cidade passa a categoria de povoado e já recebe a denominação de Tucuruí. Quatro anos depois, é elevado a categoria de município. Em meados da segunda metade do século XX, Tucuruí é palco da construção de um grande empreendimento, a Usina Hidrelétrica de Tucuruí (UHE), fonte de energia para milhões de brasileiros. A obra foi responsável pela radical mudança econômica da cidade, além da chegada de muitas famílias envolvidas nas atividades da usina.