O Centro de Referência de Assistência Social (CRAS) Irmã Rosalie Freitas, no bairro Getat, foi reaberto nesta segunda-feira (24). Uma cerimônia marcou a retomada das atividades no local que agora conta com climatização, novos equipamentos, pintura e brinquedoteca. Um ambiente novo e agradável e que vai proporcionar melhor espaço às 500 famílias atendidas com serviços de proteção social.

O Prefeito Artur Brito participou da reabertura e reiterou o apoio e investimentos nas ações sociais que são importantes para a comunidade. Fortalecer o programa e os laços juntos às comunidades para poder aumentar o apoio e retirar essas famílias da situação de vulnerabilidade social é um dos esforços da Prefeitura, por meio da Secretaria de Serviço Social. “Vamos fazer um trabalho de excelência para que todas as famílias assistidas pelos serviços de apoio social possam evoluir e melhorar de vida”.

O CRAS atende cerca de 1500 pessoas com serviços de cunho social como o serviço PAIF e outros serviços, programas e projetos socioassistenciais de proteção social básica, para as famílias, seus membros e indivíduos em situação de vulnerabilidade social. O objetivo é prevenir as situações de risco fortalecendo vínculos familiares e comunitários e garantindo direitos.

Com a nova infraestrutura do prédio vai proporcionar mais conforto às famílias que utilizam o espaço diariamente e a secretária de Assistência Social, Nazidely Pantoja, falou que a expectativa quanto à melhora nos atendimentos, a partir de agora, é a melhor possível já que as novas estruturas vão proporcionar além de conforto, proteção social. “A Prefeitura se aproxima da população visando reduzir as desigualdades sociais. Levar o atendimento às pessoas que mais precisam é o nosso objetivo. E para isso, temos investido fortemente na área social com a realização de programas e ações com o objetivo de atender as famílias com necessidades sociais”.

Atualmente o município conta com as ações em três CRAS implantados: CRAS Aida Damasceno, no bairro Mangal, CRAS Irmã Rosalie Freitas, no bairro do Getat e CRAS CEU, no Santa Mônica.

Mais que desenvolver e executar políticas sociais para reduzir as desigualdades, a Prefeitura de Tucuruí estimula os potenciais das comunidades e está proporcionando qualidade de vida as mais de 3 mil famílias atendidas pelos projetos sociais. A Prefeitura trabalha ainda na atenção as mulheres grávidas e das vítimas de violência, na erradicação do trabalho infantil por meio de vários programas como o PETI e a AABB Comunidade. Também desenvolve ações de cuidados e integração para idosos.