A prefeitura de Tucuruí, torna público, nesta segunda-feira (15) o Decreto de N 048/2020, que dispõe sobre a suspensão, para atendimento presencial, das atividades não essenciais e a restrição na circulação de pessoas (lockdown), salvo por motivos de força maior, visando a contenção do avanço descontrolado da pandemia do novo Coronavírus (Covid-19), bem como a recuperação do Sistema de Saúde, para o restabelecimento econômico e social do município. A medida entra em vigor nesta terça-feira (16) e seguirá até a próxima segunda (22).

O documento, assinado pelo prefeito Artur Brito, leva em consideração, para o fechamento das atividades não essenciais, além do aumento do número de casos, um estudo realizado por órgãos e instituições competentes, que classificaram os municípios do entorno do lago como Zona 01 (BANDEIRA VERMELHA), de alerta máximo, definida pela capacidade hospitalar em risco e a evolução acelerada de contaminação. Ainda, outro ponto ponderado no Decreto, é a lotação máxima dos leitos do Hospital Regional de Tucuruí, de responsabilidade do governo do Estado que, atualmente, possui atendimento, seguindo o Sistema de Regulação da Secretaria de Saúde do Estado do Pará (SESPA).

O novo Decreto municipal seguirá as orientações do Decreto estadual de N 800 de 2020. As viagens intermunicipais, exceto entre os municípios da Região do Lago, permanecem proibidas, assim como as viagens interestaduais. O horário de funcionamento dos estabelecimentos essenciais ao público, no período de suspensão, deverá ocorrer de seis horas da manhã as oito da noite.

Leia na íntegra o Decreto: https://drive.google.com/file/d/1kphtEdHcutK4LORUq-Iw4oojgoNYvwcH/view?usp=sharing