No encontro foi aprovada a criação de uma comissão para dar andamento a efetivação do projeto na região

Projeto vai potencializar a produção dos pescados em cativeiros nos municípios da região do lago para gerar emprego e renda para a população

O prefeito Bena Navegantes, juntamente com o Secretário de Desenvolvimento Rural, José Vieira, reuniu na manhã desta quarta-feira (24), em seu gabinete, com representantes do setor de piscicultura de Tucuruí e região. O encontro serviu para tratar do estudo de reativação do projeto de criação de peixes em tanques-rede nos municípios do entorno do Lago de Tucuruí.

Participaram da reunião o Superintende do Ministério da Agricultura, Clésio Santana, a Diretora de Pesquisa e Extensão do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará (IFPA), Fernanda Atanaena, além de representantes da Secretaria de Estado da Agricultura (SAGRI), Instituto de Assistência Técnica e Extensão Rural (EMATER), entidades de classes e empresários de Tucuruí e região.

O Prefeito Bena Navegantes falou sobre a importância do projeto para Tucuruí e região

No encontro foi aprovada a criação de uma comissão para dar andamento a efetivação do projeto na região. A missão da Comissão será potencializar a produção dos pescados em cativeiros nos municípios da região do lago para gerar emprego e renda para a população.

O Prefeito Bena Navegantes falou sobre a importância do projeto para Tucuruí e região. “Precisamos fortalecer e fomentar a geração de emprego na região e a piscicultura é uma de nossas vocações já que temos uns dos maiores lagos artificias do Brasil. Fechamos parceria com o Governo Federal, Estadual, IFPA e empresários, onde iremos dar total apoio, visando o desenvolvimento econômico. Com certeza vamos gerar mais pescados para o consumo interno e para a exportação”, disse o Prefeito.

Sabendo do grande potencial que os munícios têm, os governos Federal, Estadual e Municipal bem como os empresários, vão atuar para trazer investimentos para a área da pesca, a fim de alavancar a cadeia produtiva do pescado na região, garantindo o desenvolvimento sócio econômico dos municípios.

Diversos cursos de capacitação técnica serão oferecidos gratuitamente pelo IFPA para a população garantido mão de obra qualificada na região.

De acordo com Clésio Santana, superintendente do Ministério da Agricultura, a reunião é um marco na história dos municípios da região. “Estamos resgatando um projeto da criação do pescado em cativeiro. Iniciativa do Prefeito Bena Navegantes e para resgatar esse projeto é preciso somar esforços com as instituições públicas, federais, estaduais e municipais. Este grande projeto trará para o entorno do lago o desenvolvimento socioeconômico e o desenvolvimento aos municípios”, explica o superintendente.

Fernando Cruz, empresário do ramo da pesca no município de Curuçá, ressalta a importância da revitalização do projeto de criação de peixes em tanques-rede no lago para que os municípios possam gerar emprego e renda.

Por Denis Aragão | Reportagem Matheus Vale