Quando o esporte dá alegria aos estudantes de Tucuruí

133
Estudante Mayana Joana e sua seleção campeã do futsal feminino

Um dia foi pouco para tanta festa e felicidade aos alunos que participaram dos XXIII Jogos Estudantis de Tucuruí (JETS). A estudante Mayane Joana, 14, festejou muito o título de campeã do futsal feminino da competição e levará o troféu para EMEF Manoel Carlos da Silva. A jovem quer seguir no esporte junto com as amigas de turma e de bola. “Vamos continuar sim, porque queremos seguir na carreira de atleta de futsal profissional”, disse a moça. A festa de encerramento premiou os campeões e vice-campeões de todas as modalidades coletivas e individuais dos jogos.

Os JETS foram realizados no período de 01 a 09 deste mês, envolvendo o universo do ensino fundamental de Tucuruí da faixa etária de 11 a 16 anos.

Na programação de encerramento e premiação, o secretário municipal de Educação e Cultura, Roberval Rodrigues, destacou ser fundamental a realização do evento pelos aspectos agregador, disciplinar e de integração do montante de cinco mil alunos do sistema público e particular do ensino fundamental de Tucuruí. “Os JETS são grandiosos. Não temos nenhuma programação com tamanha dimensão. É uma mostra de que a educação pública de Tucuruí é realizada de maneira séria e com resultados positivos com alunos desenvolvendo projetos expressivos em feiras culturais e até ciências da robótica”, contou. “Também podemos destacar a educação inclusiva dos nossos alunos indígenas”, completou.

Os JETS exigem dos participantes compromissos e resultados em sala de aula. Segundo a professora Devanilde Ranieri, coordenadora do evento, o critério de seleção impõe ao aluno boas notas, assiduidade e não estar devendo matéria em seu ano letivo. O resultado disso são alunos com bom desempenho escolar e futuros atletas de modalidades esportivas rentáveis e com grau de ascensão social. O caso da Mayane é um exemplo. O professor dela, Antônio Maria Gaya, diz que a jovem tem grande talento para o futsal, bastando apenas “lapidar” o potencial esportivo e Tucuruí terá uma grande atleta. “Ela é uma excelente jogadora de futsal, mas ainda precisa controlar essa ansiedade, que é natural da juventude”, avaliou o professor.

Os XXIII JETS se encerraram no último sábado, durante solenidade de entrega de troféus e medalhas aos campeões e vices de cada modalidade. A coordenação do evento agradeceu a participação de todos e rendeu homenagens aos professores, árbitros e servidores dos órgãos envolvidos. As modalidades coletivas foram: futsal, handebol, basquete e vôlei. No individual: atletismo, judô e natação. Ao grito de “é campeão”, os estudantes se despediram de competição, que em 2020, promete ser ainda melhor.

 

Secretário Roberval Rodrigues

Texto: Selma Amaral

Fotos: Rauber Soares