A Prefeitura de Tucuruí, por meio da Companhia Municipal de Trânsito e Transporte Tucuruí (CTTUC), promove a partir desta segunda-feira (18) a Semana Nacional do Trânsito, com o tema: Minha Escolha Faz a Diferença no Trânsito. A abertura oficial da Semana aconteceu no auditório da Comaspa e reuniu autoridades, lideranças e representantes de secretarias e de entidades, além do Detran, das polícias Civil e Militar e Samu 192.

Márcio Cabral, diretor da CTTUC diz que a intenção é orientar pedestres, ciclistas e condutores para que sejam atores capazes de melhorar o trânsito nas ruas do município. “O objetivo principal é sensibilizar os cidadãos e cidadãs sobre sua corresponsabilidade no trânsito, valorizando ações do ir e vir diário”.

A Semana Nacional de Trânsito é comemorada anualmente entre os dias 18 e 25 de setembro. Este ano o Conselho Nacional de Trânsito (Contran) definiu como tema a ser trabalhado pelos órgãos do Sistema Nacional de Trânsito e pela comunidade é “Minha Escolha faz a Diferença no Trânsito”

A Semana Nacional do Trânsito está prevista pelo Código de Trânsito Brasileiro (CTB), e tem a finalidade de sensibilizar a sociedade para que assumam o compromisso e somem esforços com o poder público para preservar vidas, nossas Vidas.

O prefeito Artur Brito avalia que é preciso focar no desenvolvimento de valores, posturas e atitudes, no sentido de garantir o direito de ir e vir com segurança, daí a importância de ações de conscientização. “A Semana Nacional do Trânsito não é uma ação isolada, ela soma com todas as outras que são desenvolvidas pela Prefeitura durante o ano inteiro. O que pretendemos é contribuir para a mudança de postura de toda a sociedade no esforço conjunto para minimizar os acidentes”, diz o prefeito.

Adriando Mello, secretário de Saúde, lembra que a saúde é o setor que absorve os resultados do trânsito por isso, essa mudança de hábito por meio da conscientização é fundamental para reduzir principalmente os custos do município com traumatologia e tratamento fora de domicílio (TFD).

Hoje, 70% dos atendimentos no servico do SAMU 192 são resultantes de acidentes de trânsito sendo as motos a principal fonte destes acidentes.

AÇÕES

De acordo com o Contran, o ator do trânsito deve ser tratado como alguém que tem o poder de decidir o seu destino e que é o responsável pelas próprias ações e sofrerá as consequências de suas escolhas. Assim, o tema de 2017, possibilita realizar ações focadas em todos os integrantes do trânsito (pedestres, ciclistas, motociclistas, passageiros e condutores). Cada um é responsável pelas atitudes no dia a dia no trânsito e que cada um pode e faz a diferença.

Por Denis Aragão

Fotos: Marcos Medeiros